Casa Familiar Rural de São Mateus do Sul inaugura Laboratório de Processamento de Peixe através de patrocínio da Petrobras e Governo Federal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

No dia 15 de maio, a Casa Familiar Rural de São Mateus do Sul inaugurou seu Laboratório de Processamento de Peixe, através do Projeto Plantando Educação e Pescando Agroecologia, uma ação patrocinada pela Petrobras e o Governo Federal.

A cerimônia de inauguração reuniu alunos da instituição, pais, funcionários e professores, além da presença do Prefeito Luiz Adyr que participou da solenidade junto aos Secretários de Educação e Cultura, Jorge Manfroni e Agricultura e Meio Ambiente, Hélio Sakurai e também dos representantes da Petrobras.

O projeto tem como objetivo a formação do jovem e de suas famílias, em produção orgânica, agroindústria familiar e manejo em piscicultura, ampliando seu atendimento com ações específicas que atendam as famílias que possuem potencial hídrico em suas propriedades e que podem ser otimizados na área de aquicultura. Isso será possível através de formação específica para a cadeia produtiva da piscicultura, com possibilidades de geração de renda e de agregar valor ao produto, com o propósito da melhoria na qualidade de vida das famílias, com inclusão do peixe como alimentação saudável.

O investimento da Petrobras e Governo Federal chegou à R$409 mil na Casa Familiar Rural, com abrangência na construção do laboratório, investimento de cerca de R$100 mil e também na implantação do projeto de frutíferas nativas, na capacitação dos jovens e suas famílias no processamento de alimentos e na horticultura orgânica, demonstrando assim, a efetividade das ações de responsabilidade social, cultural e econômica da Empresa nas cidades onde estão inseridas, comenta Luiz Adyr que lembrou dos vários projeto também patrocinados pela Petrobras em São Mateus do Sul.

A Prefeitura Municipal foi fundamental parceira no início dos trabalhos, como relata a Coordenadora do projeto, Sinara Soares. “A Prefeitura colaborou conosco com a reestruturação e manejo dos 6 tanques que já existem há cerca de 20 anos, nos cedendo pessoal e as maquinas hidráulicas para deixarmos os tanques aptos para o início do projeto com os alevinos, e ainda hoje, contamos com o apoio do poder público municipal com o fornecimento da alimentação para os peixes, de fundamental importância para a continuidade do projeto.”

A coordenação do projeto enfoca também a relevante parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER), Secretaria da Agricultura e do Abastecimento do Paraná (SEAB), Instituto Água e Terra (IAT), Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), dentre outros.

O laboratório beneficiará, de início, à 15 famílias de jovens que frequentam a Casa Familiar Rural em São Mateus do Sul, mas o projeto terá sua continuidade e trará benefícios para muitas famílias da região com o passar das turmas, ano a ano.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *