Alunos da Escola Pedro Effco aprendem a história do mate e o preparo do chimarrão

Na sexta-feira, aproximadamente 650 alunos da Escola Municipal Pedro Effco participaram de um projeto desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Semec), em parceria com a Ervateira Baronesa, que começou a percorrer as escolas para ensinar aos alunos o preparo do chimarrão.

O ideia de levar a cultura do mate para as escolas, partiu da Semec e logo foi abraçada pelos proprietários da ervateira, que recentemente inauguraram o primeiro Chima Truck do Brasil, com o intuito de levar a história, a cultura e os benefícios do chimarrão para todos os lugares. “Queremos levar a cultura e o gosto pela tradição e para começar, escolhemos a rede pública de ensino, temos a intenção de fazer a nossa parada em todas as escolas do município e contar para as crianças a importância que a erva-mate tem para a cidade”, disse Victor César Silveira.

Os professores receberam orientações de como trabalhar em sala de aula, na última Semana Pedagógica, realizada nos dias 24 e 25 de julho. Para o secretário, Jorge Manfroni, o resgate histórico é muito importante, ainda mais sendo abordado nessa fase das crianças. “Nessa idade e da maneira com que está sendo apresentado, elas jamais vão esquecer, e ainda, vão saber o valor que o mate tem para São Mateus do Sul”, afirmou.

De acordo com a Coordenadora Pedagógica, Makelle Pacheco, o trabalho é feito em conjunto, enquanto os professores explicam o tema em sala de aula, como as questões do plantio, cultivo e dos benefícios do chimarrão, alunos podem conferir tudo o que foi explicado, experimentando o resultado final, a bebida que é tão apreciada entre os são-mateuenses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *